23/07/2008

Você conhece Los Angeles? O que acha da cidade?

Christianne Visvanathan/UOL Bairro de Hollywood, uma das atrações da cidade de Los Angeles

A combinação de parques temáticos, estúdios de cinema, museus e espetáculos de música e dança é o que leva cerca de 26 milhões de visitantes por ano a Los Angeles, nos Estados Unidos. A Meca do cinema é também uma das capitais mundiais do entretenimento, ao lado de Las Vegas, Orlando e Nova York. A cidade, que oferece atrações para públicos de todas as idades, é uma ótima opção para viagens de férias com a família.

A visita a Los Angeles mostra a realidade dos cenários de cinema. Lá estão Hollywood, Beverly Hills, Malibu, Long Beach, Downtown e a até a violenta South Central, onde é gravada boa parte dos filmes americanos que tem como temática as brigas de gangues.  Os estúdios de Walt Disney, da Universal, Warner Bros., ABC, CBS e NBC também estão instalados na cidade. A 50 km do centro, em Anaheim, fica a Disneylândia, o primeiro parque temático erguido por Walt Disney, criador dos personagens Mickey Mouse e Pato Donald.

Além disso, Los Angeles abriga pelo menos dois importantes museus, o Getty Center e o LACMA (Los Angeles County Museum of Arte), e dezenas de teatros, cinemas e grandes casas de espetáculo.

Você gosta de Los Angeles? O que você acha da cidade?

Você pagaria para ver uma simulação de execução em cadeira elétrica?

Os visitantes de um parque de diversões de Milão podem presenciar, por um euro, a execução de um boneco de látex (com aparência humana) em uma cadeira elétrica. O "brinquedo" reproduz de modo realista o último minuto de um condenado à morte.

Durante um minuto, os curiosos que introduzirem a moeda podem ver como o boneco grita e sofre as convulsões pela forte descarga elétrica até que deixa de mover-se, como se estivesse morto. "Parece de verdade", disse um dos visitantes.

A instalação, que mostra com realismo a execução na cadeira elétrica e que é proibida nos Estados Unidos, já é uma das mais visitadas do parque.

Você pagaria para ver uma simulação de execução em cadeira elétrica?

UE ameça retaliar EUA por exigência de visto. Comente

A Comissão Européia, braço executivo da União Européia (UE), denunciou nesta quarta (23) a ausência de progressos nas negociações sobre a política de vistos entre o bloco europeu e os Estados Unidos, ameaçando Washington com medidas de retaliação.

O motivo é o atraso na aplicação da plena reciprocidade na isenção da necessidade de vistos, que deveria ser feita este ano. Cidadãos de 12 dos 27 Estados-membros da UE ainda têm que requisitar autorização para entrar nos EUA.

Neste sentido, Bruxelas ameaça Washington com "medidas de retaliação", como a restauração temporária da obrigação de visto para cidadãos norte-americanos titulares de passaportes oficiais, diplomáticos e de serviço a partir de 1º de janeiro de 2009 caso a situação não evolua.

UE ameça retaliar EUA por exigência de visto. Comente.

21/07/2008

Conhece Auckland? O que mais gostou lá?

Osmar Baboin Porto de Auckland, principal cidade do país, localizada na Ilha do Norte
Auckland não é a capital, mas é, sem dúvida, a cidade mais importante da Nova Zelândia. A descolada metrópole, que tem cerca de dois milhões de habitantes, é o principal centro financeiro do país e um dos destinos preferidos dos turistas que decidem dar um pulo na Oceania.

Mesclando beleza natural e modernidade, Auckland é uma boa pedida para quem é urbano, mas não dispensa o contato com a natureza. As atrações da cidade vão das galerias de arte aos vulcões, passando por um zoológico imperdível e cassinos disputados.

Representando o espírito aventureiro da Nova Zelândia, Auckland oferece atividades como o bungee jump. A queda livre pode ser realizada em vários pontos da cidade, mas é no edifício Sky Tower que a maioria quer se arriscar.

Você já foi viajar para Auckland? O que achou de lá?

Você se considera um turista consciente?

Nestes tempos de férias e de degradação do meio ambiente, alguns conselhos nunca são exagerados. No caso, sobre como ser um bom turista, ou um turista responsável que se esforça ao máximo para reduzir as repercussões negativas de sua viagem.

A preparação da bagagem é uma etapa importante: reduzir o máximo possível as embalagens, levar creme solar que não dissolve em água para não prejudicar a fauna e flora marinhas, assim como sabão biodegradável. No país visitado, o turista responsável respeita a natureza, principalmente as reservas florestais e áreas preservadas, e evita assustar ou alimentar os animais selvagens.

O ecoturista modelo evita o consumo excessivo de água, recurso vital que está se tornando escasso em muito países, tomando banhos rápido por exemplo. Pode evitar também o uso do ar-condicionado, que participa do aquecimento climático. Finalmente, o respeito da população local é vital para o turista responsável, que se esforça por adquirir noções do idioma do país visitado.

Você se considera um turista consciente? Palpite.